Arredores de Pentos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Arredores de Pentos

Mensagem por Deus Afogado em Qua Jun 21, 2017 10:46 pm



Arredores de Pentos

São as áreas próximas fora dos muros da cidade de Pentos. É possível ver algumas casas, estábulos e até pequenas fazendas que pertencem a comerciantes e magísteres.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Arredores de Pentos

Mensagem por Vyserion Hart em Sex Set 08, 2017 6:51 am


Fire in the Darkness

Nota: Esta passagem ocorre quando Vyserion tem oito anos

O sol brilhava forte naquela tarde, o seu calor abrasivo fazendo-se sentir na propriedade rural dos Hart nos arredores de Pentos. O grande latifúndio da família, de cariz agrícola, desenrolava-se em volta de uma grande mansão vermelha, uma gigantesca casa de pedra que era rodeada por todos os lados de árvores de fruto. Esse enorme pomar era composto por limoeiros, laranjeiras e algumas oliveiras que constituíam uma parte importante da produção da fazenda, contudo o grande valor da propriedade encontrava-se nas enormes plantações de vinha que se estendiam a perder de vista para lá das árvores.

O rapaz limpou o suor da testa, a sua pele alva contrastava com o pátio, construído com pedras de cor creme, onde se encontrava. Localizado à saída da mansão, no centro da propriedade, o campo de treinos era um espaço pequeno, de forma circular, com árvores a toda a volta recuadas o suficiente para não permitir que qualquer sombra incidisse no círculo. O calor causava um sentimento incómodo ao rapaz que, posicionado numa das bordas do pátio, avançava agora, de espada em riste, em direcção ao centro do mesmo. No outro extremo do campo de treinos, numa posição semelhante à de Vyserion, o oponente do rapaz avançava ao seu encontro. Matarys Hart segurava nas mãos uma espada igual à do rapaz, sendo "espada" um termo generoso para descrever os pequenos bastões de madeira que ambos empunhavam e utilizavam nas suas sessões diárias de treinos.

Vyserion avançou em direção ao tio e, notando que a espada de Matarys pendia um pouco para a esquerda, cortou com a espada na diagonal tentando acertar no flanco direito do tio. Matarys bloqueou o ataque com facilidade girando a leve espada de madeira de encontro à do sobrinho, a violência do embate desequilibrando momentaneamente o rapaz.

-"Não ponhas tanta força nos teus ataques ou então ela vai ser usada contra ti." - Ao mesmo tempo Matarys deu um passo em direção ao sobrinho desequilibrando ainda mais o rapaz que, recuando em busca de equilíbrio, deu por si encostado ao baixo muro que rodeava o pátio. Um golpe de espada de Matarys rasgou o ar de cima a baixo obrigando Vyserion a desviar-se para a direita, conseguindo esquivar-se apenas por pouco, e  fazendo a espada do tio embater contra o muro. Recuando dois passos atrás e o rapaz estava de novo no centro do círculo, com o sol a bater nas suas costas.

Num movimento muito rápido Matarys voltou costas ao muro e investiu contra o sobrinho. O seu primeiro ataque foi um corte na horizontal ao qual Vyserion respondeu desviando-se para a esquerda, manobrando a sua espada para ir de encontro à do tio. A força do embate quase lhe arrancou o pequeno bastão das mãos, ele não estava habituado ainda àqueles treinos.

Quando o seu pai, Maerys, o havia colocado sob a tutela de Matarys, Vyserion tinha seis anos. O tio do rapaz havia passado o primeiro ano com o sobrinho a prepará-lo fisicamente para o combate sendo que havia sido apenas há alguns meses, quando o rapaz completou oito anos, que Vyserion tinha sido iniciado em combate com "espadas". No início apenas conseguia aguentar treinar até ao meio-dia mas com o tempo, e sob a orientação de Matarys, tinha ficado mais resistente e mais forte. O tio era um professor mais austero que o pai, enquanto Maerys era, de certa forma, carinhoso e preocupado, o tio era mais frio e distante, mas mesmo assim um excelente professor.

Matarys estava agora junto a ele. Com um rasgo vertical, de cima para baixo, com a espada de madeira ele lançou outro ataque. Apesar de Vyserion ainda chegar a tempo de amparar o golpe com a sua espada a força do impacto atirou com o bastão do rapaz para o chão deixando a ponta da espada de Matarys frente a frente com o pescoço de Vyserion.

-"O que é que eu te disse sobre a tua mão da espada?"

-"Tem de ser firme e nunca, mas nunca largar a espada." - Suspirou o rapaz num tom cansado, quase comparável a aborrecimento. Estava a ficar exausto e as suas mãos estavam cheias de lascas de madeira provenientes da sua espada de treino.

Matarys olhou para o sol. O enorme astro de fogo inclinava-se para oeste prosseguindo o seu caminho no céu Essossi em direcção a ocidente, a Westeros, contudo ainda ia alto acima do horizonte, o seu brilho dourado contrastando com o azul turquesa do céu da tarde. Matarys voltou a encarar o sobrinho.

-"Outra vez."

Interacção em flashback
Treino de espada curta

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum